Romã

Chá de romã: como fazer e benefícios

Com um consumo bem maior nos dias de hoje, o chá de romã ganhou espaço devido aos seus grandes benefícios ao corpo humano. Conhecida pelo grande número de antioxidantes e ajudar nas doenças do coração, a fruta pode ser encontrada facilmente em mercados e feiras.

Seus benefícios ao corpo humano estão associados a diversos fatores, e nessa publicação, buscaremos trazer melhor tudo o que sabemos sobre essa poderosa fruta. Vale lembrar que, o chá de romã deve ser consumido de maneira consciente e sem excessos.

Chá de romã

Benefícios do chá de romã

A seguir, trataremos dos grandes benefícios que o chá de romã traz para o corpo humano. Além do chá, o consumo da romã fresca também tem excelentes resultados

  • Saúde cardiovascular: ajuda a controlar a pressão, relaxa os vasos sanguíneos, controlando a pressão arterial em hipertensos. Também diminui os riscos de ataques cardíacos;
  • Antioxidantes: um dos benefícios mais explorados, ajuda no combate a radicais livres, melhorando o sistema imunológico de maneira geral;
  • Dores de garganta: por conter ação anti-inflamatória, pode ser utilizada como auxiliar no combate a dores de garganta, de maneira preventiva;
  • Melhora no funcionamento intestinal: contém polifenóis que ajudam no equilíbrio da flora intestinal, contendo ação antidiarreica nas propriedades da casca da romã.
  • Preveni a anemia: contém bastante ferro, ótimo auxiliar no combate da anemia;
  • Saúde bocal: através de sua ação antibacteriana, pode contribuir para a prevenção de cáries e gengivites;
  • Saúde da pele: por conter o poderoso ácido elágico e as vitaminas A e C, ajuda na saúde da pele, aumentando a elasticidade e diminuindo os impactos das rugas.

Como fazer o chá de romã

Para preparar o chá de romã da maneira correta, você deve ter no mínimo um fruto inteiro consigo e, que esteja maduro.

Ingredientes

  •  10 gramas de casca de romã
  • 1 copo de água

Modo de fazer

Ferva a água e em sequência adicione a casca de romã com o fogo já desligado. Tampe o recipiente e espere por 10 minutos. Após isso, coe e tome o chá morno sem a adição de açúcar.

Vale destacar que, além do chá, você pode preparar um suco de romã apenas batendo com água no liquidificador, preservando bem as propriedades.

Utilizar a casca da romã

A casca da romã é o item principal para preparar seu chá. Com a maioria dos nutrientes, a casca deve estar saudável e madura, com aspecto bem avermelhado. Com diversas receitas relacionadas, seu uso pode ser combinado como diversas outras ervas.

Conheça também sobre o Chá de Eucalipto.

Uma boa combinação é entre um chá de casca de romã e um pouco de orégano, deixando um gosto bem saboroso. As sementes de romã também podem ser utilizadas nos chás, sendo bem trituradas e acrescentadas.

Qual romã escolher para o chá

Para um chá de romã de melhor qualidade e melhor sabor, a fruta deve estar madura e com bastante caldo. Para isso, você deve escolher sempre as frutas observando sua cor e seu peso.

A cor ideal para a escolha é entre a rosa escura e o vermelho, com cascas bem brilhantes e sem manchas. Já em relação ao seu peso, priorize as mais pesadas para que contenha maior suco.

Contraindicações e perigos

Deve-se tomar cuidados antes de consumir o chá de romã, principalmente se for consumido em excesso. Isso pode gerar diversos desconfortos e causar náuseas e vômitos. O consumo deve ser controlado, em média de 2 xícaras ao dia.

Em relação a mulheres gestantes e crianças, o consumo não é recomendado devido a presença de alcaloides na fruta, o que pode causar problemas. No mais, um consumo consciente e de preferência, com recomendações médicas, é totalmente benéfico a saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.