Finanças

Valor Esquecido em Banco Central: ainda consigo sacar?

O valor esquecido pelo banco pode ser recuperado? Pelo menos 38,92 milhões de brasileiros têm recebíveis que somam R$ 27,71 bilhões, incluindo benefícios não sacados e dinheiro sobrando no banco. O Banco Central emitiu um alerta sobre os fundos “esquecidos” dos bancos, por exemplo, referentes a contas correntes ou de poupança encerradas, onde são cobrados saldos disponíveis e encargos ou parcelas referentes a operações de crédito indevidamente.

Na primeira fase, cerca de 4 bilhões de reais serão devolvidos a 28 milhões de pessoas físicas e jurídicas. Ao todo, o banco central estimou que os clientes receberiam cerca de 8 bilhões de reais, mas não informou o número total de brasileiros que poderiam se beneficiar do valor total.

Os brasileiros têm outras fontes de financiamento disponíveis. Por exemplo, a cota do PIS/Pasep não foi retirada pelos 10,6 milhões de pessoas que têm direito a 23,5 bilhões de reais.

Veja abaixo todas as fontes de recursos que podem ser “esquecidas” e resgatáveis ​​pelos brasileiros: Dinheiro ‘esquecido’ do banco Banco central emite assessoria sobre fundos ‘esquecidos’ em bancos: saiba como Banco Central emite aviso de moeda ‘esquecido’ do banco.

Em princípio, serão distribuídos cerca de 4 bilhões de reais para 28 milhões de brasileiros (26 milhões de pessoas físicas e 2 milhões de empresas). O reembolso médio por pessoa ou empresa é de R$ 142,85. Os valores incluídos nesta primeira etapa são: fechar contas correntes ou poupanças com saldos disponíveis

; Taxas e parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito indevidamente cobradas, desde que a devolução esteja prevista nos termos do compromisso firmado pelo banco com o BC; Cotas de capital e distribuições de beneficiários de cooperativas de crédito e superávits líquidos de participantes; Recursos não contestados relacionados a grupos de consórcios fechados.

Para verificar se você tem recebíveis, os trabalhadores devem: Acesse o site https://valoresareceber.bcb.gov.br/ Para pessoas físicas, os clientes exigem CPF e, para empresas, o CNPJ é obrigatório para verificar a existência de fundos de saque. Esta página notificará a data do valor da consulta e solicitação de saque – escreva esta data Na data da notificação, volte para a página https://valoresareceber.bcb.gov.br/ Acesse o sistema usando seu login gov.br (clique aqui para ver como se cadastrar) Consulte valor e solicite transfer após visita.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.