Pular para o conteúdo

Segunda via Cemig: saiba como emitir

Muitas pessoas solicitam a segunda via Cemig, que é a empresa responsável pela geração, transmissão, distribuição e comercialização de energia elétrica em mais de 20 estados brasileiros e no Distrito Federal.

Publicidade

Somente em Minas Gerais, a companhia atende mais de 8,7 milhões de consumidores divididos em 774 municípios. Atuando desde 1952, com mais de 70 anos de história, a Cemig é a maior comercializadora de energia para clientes livres do Brasil.

Sendo assim, é reconhecida pela dimensão e competência técnica, sendo considerada a maior empresa integrada do setor de energia elétrica do país.

Portanto, se você é cliente Cemig e deseja solicitar a segunda via da conta de luz, seja porque perdeu a data de pagamento ou o papel, não deixe de acompanhar o post de hoje até o fim.

Publicidade

Segunda via Cemig: como emitir?

Sabemos que com a correria do dia a dia, é comum perder a data de vencimento da conta de luz, assim como o papel acabar sumindo em sua casa ou na caixa de e-mail. A boa notícia é que a Cemig também sabe disso e oferece diferentes canais para você solicitar sua segunda via da conta de energia.

Sendo assim, confira abaixo como solicitar a segunda via Cemig:

1. Cemig Atende Web

Essa é a forma mais tradicional e utilizada pelos clientes da Cemig para solicitar a segunda via da conta de luz. Confira abaixo o passo a passo:

  • Acesse o site oficial Cemig;
  • Clique no campo “segunda via e pagamentos”;
  • Faça o login com o e-mail, CPF/CNPJ ou nome de usuário cadastrado e senha;
  • Depois clique no captcha para validar o acesso;
  • Agora, selecione a fatura que está em aberto e opte por enviá-la para seu e-mail, fazer o download do PDF, informar a data de pagamento ou realizar o pagamento ou parcelamento dos débitos.

Lembre-se que, caso não seja cadastrado no Cemig Atende, deverá criar o login com os dados do titular da conta.

2. Aplicativo Cemig Atende

Publicidade

Outra opção fácil e prática para solicitar a segunda via Cemig é pelo Aplicativo Cemig Atende. Para isso, você precisa:

  • Baixar o aplicativo Cemig Atende, disponível para iOS ou Android;
  • Fazer o login no app e escolher a opção “Segunda via de conta”;
  • Fazer o download ou compartilhar a conta em PDF;
  • Copiar o código de barras;
  • Copiar o código PIX ou;
  • Ver o QR Code PIX.

Novamente, caso não for cadastrado, será necessário criar o login com os dados do titular da conta.

3. WhatsApp

Hoje em dia, o WhatsApp é um dos aplicativos mais usados pelos brasileiros e também pode te ajudar a solicitar a segunda via de conta. Basta você:

  • Enviar “segunda via” para o número (31) 3506-1160;
  • Informar o CPF ou CNPJ cadastrados, ou;
  • Número do cliente, e;
  • Número da instalação.

Em seguida, você receberá a conta em formato de PDF e o código PIX para pagamento da conta que estiver em aberto. Mas, caso precise da segunda via da conta de outro mês, você só precisa informar o mês/ano da conta desejada.

4. Telegram

O Telegram também é um canal de comunicação muito usado pelos brasileiros. Para solicitar a segunda via Cemig, você só precisa procurar por @cemigbot no app e enviar “segunda via”.

Depois, informe os mesmos dados que citamos no canal de WhatsApp. Com isso, você receberá o PDF da conta e o código PIX para pagamento, lembrando que se quiser a segunda via de outra conta, basta informar o mês e ano desejados.

5. ChatBot Cemig

Por fim, a Cemig também conta com um chatbot que irá enviar sua segunda via de conta. Para isso, basta acessar o site oficial da Cemig e clicar no ícone flutuante “chatbot – como posso de ajudar”. Em seguida, envie “segunda via” e informe os dados solicitados, como CPF ou CNPJ, número do cliente e número de instalação.

Aqui você também receberá o PDF e o código PIX da conta que estiver em aberto. Mas, se precisar de outra, basta informar o mês e o ano.

Então, agora que você sabe como solicitar a segunda via Cemig, já pode escolher qual das formas citadas é a mais simples para você.

Mas, lembre-se de evitar atrasar o pagamento, a fim de evitar multas, juros, taxas e até mesmo o corte do fornecimento de energia em casos mais graves.

Marcações: